Como proceder em caso de acidente de trânsito no Japão

acidente de trânsito

Diferente das leis brasileiras de trânsito, no Japão elas são mais severas e podem levar a prisão os acidentes com vítimas, além dos altos custo indenizatórios, por isso é fundamental fazer o seguro do veículo para evitar grandes problemas no Japão.

Os acidentes de trânsito, infelizmente acontecem a todo momento em diversos lugares e isto todos nós sabemos. Mas será que você sabe como proceder?
Primeiro mantenha a calma para agir corretamente e evitar o agravamento da situação. Mas o pânico e o nervosismo acabam tomando conta e muitas vezes não conseguimos tomar as providências necessárias. Por isto é muito importante lembrar que após o acidente a primeira coisa que devemos fazer é oferecer socorro. Estacione o seu veículo em um local seguro e verifique se há vítimas. Se perceber que é necessário chamar uma ambulância, ligue imediatamente para o número 119.

Como proceder em caso de acidente de trânsito :

1. INFORME A POLÍCIA
O causador do acidente têm obrigação por lei de informar a polícia sobre o acidente mas, a própria vítima também pode fazer isso. É muito importante fazer o registro de ocorrência e se houverem feridos, é necessário fazer o registro de acidente com vítima (jinshin jiko).

2. Verifique quem está no local
(1) Anote o nome, endereço e contato
(2) Anote o nome da empresa, número do cadastro do seguro obrigatório e do seguro opcional
(3) Anote o número da placa dos veículos envolvidos no acidente

3. Garanta testemunhas
Pergunte nome, endereço e telefone das testemunhas. Também é válido anotar o local exato onde cada vítima se encontrava no momento do acidente.
Dependendo do acidente, testemunhas podem ser a chave para o esclarecimento dos fatos. O testemunho de terceiras pessoas é válido em acordos extrajudiciais ou até mesmo judiciais.

4. Garanta testemunhas
Com o passar do tempo você pode esquecer informações importantes como :

Estes dados podem ajudar e facilitar o registro do acidente e o processo judicial também. Assim que puder, faça as anotações necessárias.

5. Diagnóstico Médico
É comum surgirem dores e outras sintomas somente dias depois do acidente. Assim, mesmo que não esteja sentindo nada no momento, procure atendimento médico.
Atenção: o diagnóstico médico tardio não poderá ser acrescentado ao boletim de ocorrência depois de um certo tempo.

Fonte: http://www.gtia.jp/kokusai

Entenda como funciona o seguro de veículos no Japão acessando: o link abaixo:

Saiba como funciona o seguro de veículos no Japão

 

 

Deixe um Comentário

* Indicar Campos Obrigatórios