Como se prevenir de desastres naturais.

terremotoO  Japão é um dos principais países com grande número de incidência de terremotos.

Após um terremoto de grande escala, há a possibilidade de desabamento de prédios e casas devido ao tremor, além do incêndio. Procure deixar claro as medidas preventivas, para minimizar danos e prejuízos.

Para minimizar os danos, a maioria das cidades no Japão  dispõe de um sistema de informações emitidas com urgência aos moradores, antes, durante e após o terremoto, utilizando televisão, rádio e outros meios de comunicação. Pedimos aos moradores que, pensem primeiro em ´´Proteger-se a si e a vida da sua família, sobre todas as coisas´´ , coletando atentamente as informações, tomando decisões apropriadas de evacuação.

Nunca se sabe quando pode ocorrer um terremoto. Por isso é muito importante que, no cotidiano, incluam-se hábitos de segurança para, numa emergência, podermos agir corretamente, sem precipitações.
Vamos tomar, no cotidiano, as seguintes precauções.

  1. Deixe conversado antecipadamente entre a família sobre o local de refúgio e o meio para comunicarem-se (como o número 171 /Serviços de Recados para Calamidade, para recados quando ocorrem desastres).
  2. Previna-se contra queda de móveis e utensílios, fixando-os com uso de peças específicas para fixação.
  3. Deixe reservado bebida e alimento para sete dias. Caso for abrigar-se no refúgio, preparar numa mochila materiais essenciais necessários, objetos de valor, rádio, lanterna e etc.
  4. Verifique as condições do solo onde está construída sua casa.
  5. Não deixe material de fácil combustão ao redor do fogão e similares.
  6. Tenha sempre preparado material como extintor de incêndios ou baldes de água ou outros objetos que possam ser usados para apagar um incêndio.
  7. Verifique o abrigo bem como o seu trajeto até lá.
  8. Quando houver o aviso de alerta, será anunciado para refugiar-se ou ainda serão dadas instruções nas áreas que são alvo para refúgio (locais propícios para ocorrência de Tsunami ou deslizamento). Deixe verificado com antecedência se a região onde mora está enquadrada na região de refúgio. Peça informação a respeito na subprefeitura local.
  9. Participe dos treinamentos para emergências, tanto os de organizações voluntárias de segurança quanto os do bairro.

Caso ocorra um Terremoto

Mesmo uma pessoa calma, em caso de emergência, pode ficar nervosa. Para poder agir com calma, aprenda com as instruções do “Izato Iu Tokino Kodo” (atitudes em situações de emergências).

  1. Se não for possível se movimentar, mantenha-se agachado e procure proteger a cabeça.
  2. Se conseguir se mover proteja a cabeça com capacetes, almofadas, procure se refugiar em outros cômodos onde não haja perigo de queda de móveis ou esconda-se em baixo de mesas ou locais mais seguros.
  3. Abra a porta para garantir a sua saída.
  4. Quando parar o tremor, apague o fogo em utilização.
  5. Cuidado com estilhaços de vidros dentro de casa.
  6. Quando for fugir para fora de casa, não se afobe e aja com calma.
  7. Conheça várias trajetórias possíveis até o refúgio e escolha o mais seguro para se refugiar.
  8. Obtenha informações corretas através de rádio ou TV.
  9. Tomar cuidado com desabamento de terras e Tsunami (Maremoto).

Caso ocorra um Tufão

Quanto às chuvas e ventos fortes decorrentes de Tufões, dependendo da trajetória, podem provocar inundações ou danos a prédios, superando a previsão. Na estação dos Tufões, preste a devida atenção às intensidade da chuva, e no caso da aproximação de um tufão, tome os seguintes cuidados:

  1. Prepare lanternas, rádios portáteis transistorizados e pilhas novas para o caso de falta de energia elétrica.
  2. Atente bem para a previsão meteorológica, por rádio ou TV.
  3. Reforce as vidraças e no caso de haver janelas quebra-chuvas, feche-as.
  4. Objetos que podem voar com vento forte como vasos de plantas ou varais de roupa devem ser recolhidos para dentro de casa ou fixados para não voarem.
  5. Não saia de casa sem que haja absoluta necessidade.
  6. Em locais com risco de inundação, transporte os móveis para locais elevados.
  7. Deixe preparado alimentos, bebidas , remédios, etc.
  8. Prepare alimentos,  materiais essenciais necessários e os de valor para o caso de ter que se refugiar
  9. Em áreas de risco de águas, esteja sempre preparado para se refugiar (veja os mapas de inundação e cheias).
  10. Deixe verificado o local de abrigo no HP da página oficial da subprefeitura da sua cidade ou na subprefeitura local com antecedência.

Princípios para se refugiar

Preparação prévia para se refugiar é muito importante. Quando houver determinação da subprefeitura, da Polícia, do Corpo de Bombeiros ou das organizações voluntárias de Segurança, ou quando houver perigo de ocorrência Tsunamis (ondas gigantes oriundas de terremoto ou maremoto), inundações, desmoronamentos, desabamento de casas ou risco de incêndios, refugie-se no Refúgio mais apropriado, de acordo com a situação.

  1. Antes de sair para o refúgio, certifique-se de desligar o fogo em utilização, fechar o gás e desligar a chave de eletricidade.
  2. Não se esqueça de deixar uma mensagem em casa descrevendo seu paradeiro, informações para contato e sua condição física anterior ao momento da evacuação.
  3. Use roupas que lhe permitam liberdade de movimentos e por prevenção, não se esqueça de proteger a cabeça.
  4.  Materiais de emergência (alimentos e outros) devem ser carregados nas costas, dentro de mochilas.
  5. (Refugie-se a pé; é expressamente proibido refugiar-se utilizando carros ou motos.
  6. Segure bem a mão dos idosos e das crianças.
  7. Refugie-se no abrigo que foi determinado na conversa entre os seus familiares.
  8. Ao dirigir-se para o abrigo, evite ruas muito estreitas, proximidades de muros e beira de rios.
  9. Se sentir o tremor, saia da praia imediatamente, mesmo que não possa determinar visualmente que gere um tsunami! (no caso de tsunami previsto pela nossa cidade, toda a superfície do mar subirá sem acarretar ondas brancas (espumosas))
  10. Se for dado o alerta para Tsunami, pare de nadar, pescar e saia da praia.
  11. Se for dado o alerta para Tsunami, fique em local seguro até o alerta passar.

Fonte: http://www.city.nagoya.jp/pt/page/0000014142.html

 

Deixe um Comentário

* Indicar Campos Obrigatórios